INSCREVER PROJETO

Mas afinal o que se refere Inovação Aberta (Open Innovation)?

Caro Leitor,

Inovação Aberta é um conceito que tá super em alta no mundo dos negócios e da tecnologia. Basicamente, é quando empresas, universidades, órgãos públicos, entidades privadas ou pessoas físicas se juntam pra criar, desenvolver e espalhar produtos, processos e/ou modelos de negócio, até um passado muito recente os novos negócios em maioria estavam limitados a serem criados dentro de setores “P&D(Pesquisa e desenvolvimento)” de grandes corporações.

A partir daqui o setor continua existindo, porém, reconhecendo que informações, tecnologias e novos processos estão em qualquer lugar, inclusive em startups, e buscar isso para criar valor para o negócio é muito bem-vindo, de forma simples é este setor se abrindo externamente, para garantir a troca de ideias e informações.

No Brasil, a Inovação Aberta tá ganhando cada vez mais destaque, no ranking Top 100 Open Corps podemos ver dezenas de empresas praticando o modelo aqui no país.

Na prática a inovação aberta pode acontecer de várias formas, por exemplo a empresa pode buscar conhecimento fora da corporação, usando recursos como feedback de clientes e fornecedores, parceiros, universidades e centros de inovação, e trazer isso para dentro. Pode ainda investir ou adquirir outras empresas/startups, financiar pesquisas ou promover eventos temáticos do tipo hackathons.

Todos aqui são adultos o suficiente pra saber que empresas visam lucro, e por isso nem todos os resultados de Inovação aberta são compartilhados, a empresa não tem essa obrigação e deve inclusive se preocupar em mitigar riscos de vazamento de informações relevantes e/ou controle de propriedade intelectual, haja visto que expandindo as parceiras e fontes de informações esse risco aumenta naturalmente.

Conclusões:

O tema está em alta, e as empresas estão buscando novas oportunidades, querem implementar inovação mais rápido que seus concorrentes, reduzindo custos e riscos, existem pontos de atenção a serem mitigados, mas se aplicado corretamente a balança de resultados deve ser muito positiva.


Sobre o autor

1

Wagner Furquim

Trabalhando há mais de 20 anos com prestação de serviços em telecomunicações, agora empreendendo em outras áreas, buscando se conectar com pessoas brilhantes e bons negócios, disposto a compartilhar experiências corporativas para somar.

Compartilhe nas redes

Deixe seu comentário

4 × 3 =